Você está aqui: Capa » NOTÍCIAS » Brasil é o quarto país com maior número de evangélicos, diz pesquisa

Brasil é o quarto país com maior número de evangélicos, diz pesquisa

São 47 milhões de evangélicos no Brasil

Um pesquisador do Centro Nacional de Pesquisa Científica, na França, acaba de divulgar o levantado feito por ele sobre quantos evangélicostêm no mundo atual, chegando à conclusão de que o Brasil é o quarto no ranking de países com mais evangélicos.

Especialista em protestantismo evangélico, Sébastien Fath, traçou a “visão geral do planeta evangélico”, cuja estimativa no início de 2020 abarca 660 milhões de pessoas.

Os cinco países com os protestantes mais evangélicos são, em ordem: 1) os Estados Unidos (93 milhões); 2) China (65 milhões); 3) Nigéria (55 milhões); 4) Brasil (46 milhões); 5) Índia (28 milhões).

Segundo Fath, os evangélicos representam 26% dos 2,5 bilhões de cristãos em todo o mundo.

Segundo Fath, os evangélicos representam 26% dos 2,5 bilhões de cristãos em todo o mundo. Entre os protestantes, os evangélicos são maioria, sendo 660 milhões dos 900 milhões de protestantes.

Separando por continentes, a Ásia tem o maior número de cristãos evangélicos: 215 milhões. China (66 milhões), Índia (28), Indonésia (16), Filipinas (13) e Coréia do Sul (9) são os países com as maiores comunidades evangélicas.

A África vem em seguida, com 185 milhões de evangélicos, com Nigéria (58 milhões), Quênia (20), Etiópia (18), RDC Congo (15) e África do Sul (15) liderando os números.

A América do Sul possui, segundo as estimativas, 123 milhões de evangélicos: 47 milhões no Brasil, 5 milhões na Argentina e 5 na Guatemala.

A América do Norte tem 107 milhões de fiéis evangélicos: 93 nos EUA, 10 no México e 4 no Canadá.

A Europa conta com 23 milhões de cristãos evangélicos, com Reino Unido (5 milhões), Rússia (2), Ucrânia (2), Romênia (2) e Alemanha (2) nas primeiras posições.

Finalmente, a Oceania conta com 7 milhões de evangélicos, sendo 3 milhões na Austrália, 2 milhões na Papua Nova Guiné e 1 milhão na Nova Zelândia). JM Notícia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*